quarta-feira, 24 de outubro de 2012

5 apostas do Facebook para fazer dinheiro

quarta-feira, 24 de outubro de 2012 - by Nathália Barros 0

Mark Zuckerberg
O Facebook anunciou na terça-feira, 23, seus resultados financeiros referentes ao último trimestre.

Em meio à desvalorização das ações, que despencaram de US$ 38, em maio, para os US$ 19 atuais, um alento: apostas para fazer dinheiro junto a anunciantes e recuperar a confiança dos investidores.

A  maioria das tentativas visa a plataforma móvel. Em suas últimas declarações, Mark Zuckerberg admitiu ter falhado ao olhar tardiamente para os benefícios da mobilidade e disse apostar neste futuro para sua empresa. 


“É engraçado quando olhamos para o primeiro trimestre do ano e percebemos que não tínhamos anúncios em nossa plataforma móvel”, endossou na semana passada Vaughn Smith, vice-presidente Corporativo da companhia.

Então, confira abaixo cinco iniciativas lançadas recentemente pelo Facebook para tentar reverter o jogo e ampliar a receita. A dica é do TechCrunch.

1 – Facebook Gifts

Revelada em 27 de setembro, a ferramenta ‘ganha’ o internauta pelo contexto emocional. Os usuários podem comprar presentes nas datas de aniversário, casamento, noivado e afins. Nem é preciso lembrar dos dias em questão porque alertas despontam nos perfis,  tanto na versão desktop quanto na mobile. A proposta é interessante porque oferece maior probabilidade de acerto na hora da compra devido a sugestões de presentes com base nas atualizações de status , amigos em comum e demais afinidades estabelecidas. 

Status: A ferramenta está se desenvolvendo aos poucos nos Estados Unidos. Deve ganhar força no começo do ano que vem. 

2 – Mobile Ad Network

A rede de publicidade móvel do Facebook permite às marcas o direcionamento das mensagens dentro de aplicativos e sites na rede social. A ferramenta, lançada em 18 de setembro, garante mais relevância à medida que o anunciante só paga se efetivamente atingir seu público-alvo. Isso evita contratempos como reclamações dos usuários abordados sem permissão prévia. A efetividade torna-se a maior arma neste caso e dá a Mark Zuckerberg ainda a vantagem de ganhar mais com propaganda hospedada em páginas de terceiros.

Status: O Facebook diz que a ferramenta ainda passa por testes e está restrita a um pequeno número de parceiros. Não há estimativas quanto à receita e à qualidade do desempenho do sistema para os anunciantes.

3 – App Install Adds

Permite aos desenvolvedores inserir anúncios a qualquer momento entre o conteúdo da timeline na versão móvel. Dá para divulgar nomes de outros aplicativos com ícone, descrição, amigos que usam o app e a colocação dele no ranking do Facebook. Ao clicar, o usuário é direcionado à Apple Store ou à Google Play, onde é possível comprar o app.

Status: A venda do “Install Ads” está disponível desde a semana passada para os desenvolvedores nos EUA. Analistas estimam que as receitas comecem a vingar nos próximos meses.

4- Facebook Exchange

Embora anunciada no final de julho, a novidade começou a ser divulgada em agosto. A tática é simples: imagine que você visitou uma página com sugestões de hotéis, pesquisou, mas desistiu de fazer a reserva. Com esta ferramenta, o anunciante consegue taggear seu interesse com base no histórico de navegação e enviar uma publicidade direcionada. Segundo o TechCrunch, análises preliminares consideram a ferramenta promissora. Para alguns anunciantes, a cada USS 1 investido houve retorno de US$ 16 em vendas.

Status: Dezenas de empresas já podem comprar o acesso à ferramenta, que ainda precisa ser entendida por completo. A expectativa é que se torne em breve um braço significativo dos negócios do Facebook.

5 – Sponsored Results

Facebook não tem um sistema de buscas para conteúdo em geral, mas já criou um mecanismo para listar os anúncios na rede. As empresas pagam por melhor colocação nos resultados de busca orgânica para seus sites, apps ou qualquer outra participação na rede. Funciona como o modelo de links patrocinados, do Google. Relatórios divulgados recentemente apontam que a compra de publicidade neste modelo tem aumentado a taxa de cliques nos anúncios, avaliada entre 0.7% e 4.1%. Os números chegam a ser até 10x maior que o obtido com formatos tradicionais, posicionados ao lado da timeline.

Status: Estas histórias patrocinadas podem ser adquiridas por meio dos anúncios API e Power Editor e já aparecem nos resultados de páginas de aplicativos e páginas populares. A receita tem sido insignificante, mas a tendência é de crescimento para os próximos meses.

Template para Blog

Template para Blog é um website especializado em Templates de Altíssima Qualidade para Blogger / Blogspot totalmente grátis para download e traduzidos para o português para a sua comodidade

0 comentários:

Seguidores

Recados

Comentários Recentes

Seguir por e-mail

Total de visualizações de página

Translate

Arquivos

© 2013 nbTech. WP Theme-junkie converted by BloggerTheme9
Traduzido por: Template para Blog